Cree en grande.
CONMEBOL

Libertad quer dar a volta num destemido Bragantino

Libertad quer dar a volta num destemido Bragantino

Com o sonho de chegar à final, Libertad do Paraguai se prepara para virar, nesta quarta-feira em Assunção, a derrota (0-2) que sofreu há uma semana na ida contra o Bragantino do Brasil nas semifinais da CONMEBOL Sudamericana.

Um empate seria suficiente para que a equipe brasileira garantisse seu passe à última fase do torneio sul-americano.

O vencedor desta série confrontará o ganhador do jogo entre Paranaense do Brasil e Peñarol do Uruguai na final única que será disputada no estádio Centenário de Montevidéu no dia 20 de novembro.

-  Dados –

Estádio: Defensores del Chaco

Hora: 18:15 horário local - (22:15 horário local)

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)

VAR: Jhon Ospina (COL)

- Antecedentes -

  • Red Bull Bragantino é a quarta equipe brasileira em conseguir vencer o Libertad do Paraguai na CONMEBOL Sudamericana. Não obstante, é o primeiro em derrotá-lo na fase das semifinais do torneio continental.
  • Red Bull Bragantino buscará ser o nono clube brasileiro em disputar a final da CONMEBOL Sudamericana e o quinto em coroar-se campeão. O último time do Brasil em ser campeão da competição foi Athletico Paranaense em 2018, ao vencer o Junior da Colômbia por 4-3 na fase de pênaltis (2-2).
  • O único antecedente do Libertad do Paraguai perdendo o jogo de ida das semifinais na CONMEBOL Sudamericana foi na edição de 2013, quando perdeu do Lanus 1-2. Eventualmente, os paraguaios foram eliminados da competição.
  • Artur Guimarães, do Red Bull Bragantino, lidera a sua equipe na competição em oportunidades de gol geradas (18), assistências para gol (3), gols anotados (6), índice de gols esperados (4.91 xG), finalizações totais (30), chutes a gol (10) e recuperações de bola (75). É o único jogador dos 4 times, que ainda disputam a competição, em liderar a sua equipe em todas as variáveis.

 

 

 

AFP / OPTA