Cree en grande.
CONMEBOL

Eliminatórias Sul-Americanas: Cruzada ao Catar 2022 volta com tudo!

Eliminatórias Sul-Americanas: Cruzada ao Catar 2022 volta com tudo!

As Eliminatórias Sul-Americanas, as mais emocionantes do mundo, retornam nesta quinta-feira para a Copa do Mundo FIFA – Qatar 2022.

A paixão do futebol sul-americano palpitará plenamente neste mês de setembro, com a tripla jornada que começará nesta quinta-feira.

- Tabela de posições -

- Jornada 9 -

Quinta-feira 02/09

Bolívia x Colômbia

A seleção colombiana visitará a Bolívia, que precisa conseguir os três pontos em La Paz, na jornada 9 das Eliminatórias Sul-Americanas.

A equipe dirigida por Reinaldo Rueda está ciente que tem uma tarefa difícil; não obstante, buscará o triunfo contra a Verde, que quer festejar em casa.

A equipe 'cafeteira' soma 8 unidades e se encontra em quinto lugar. Por outro lado, na oitava posição a Bolívia acumula 5 pontos.

- Dados –

Estádio: Hernando Siles (La Paz)

Hora: 16:00 horário local

Árbitro: Alexis Herrera (VEN)

VAR: Julio Bascuñán (CHI)

- Antecedentes -

  • Colômbia tem um invicto de 10 partidas contra a Bolívia em todas as competições (8V 2E), sendo esta sua maior sequência sem derrotas contra seu rival desta jornada. Os 'cafeteiros' buscam ser a quarta seleção em vencer em La Paz três vezes consecutivas: Equador, Paraguai e Chile conseguiram em duas ocasiões.
  • Bolívia ganhou uma das suas últimas 12 apresentações em todas as competições (1V 2E 9D): foi em casa contra a Venezuela, nas atuais Eliminatórias, como local (3-1). Em La Paz só perdeu duas partidas das últimas oito atuações (4V 2E 2D).
  • Colômbia só perdeu um dos seus últimos 6 jogos como visitante nas Eliminatórias (2V 3E 1D). Foi quando visitou o Equador (6-1).
  • Marcelo Moreno Martins é o máximo artilheiro das Eliminatórias: só precisou de 8 chutes a gol para realizar 6 anotações. Todos os gols foram desde dentro da área.
  • Juan Guillermo Cuadrado, meio-campista colombiano, sofreu 25 infrações nas Eliminatórias, mais que qualquer jogador que disputou a competição.

 

Equador x Paraguai

Equador, com 9 pontos, quer continuar em um lugar de classificação e para isso deverá vencer, em Quito, o Paraguai, uma seleção que sonha com retornar a uma Copa do Mundo após duas ausências.

Um igualado duelo é previsto por ambas as equipes que contam com técnicos argentinos em suas filas, no intenso confronto por um boleto para Qatar 2022.  

A 'Tri' está instalada no terceiro lugar da tabela, três lugares acima da 'Albirroja'.

- Dados –

Estádio: Rodrigo Paz Delgado (Quito)

Hora: 16:00 horário local

Árbitro: Andrés Matonte (URU)

VAR: Juan Soto (VEN)

- Antecedentes -

  • Equador venceu o Paraguai só uma vez nos anteriores 7 encontros que disputaram em todas as competições (1V 3E 3D). Por outro lado, há 8 jogos que não perde da seleção 'guarani' jogando em casa (6V 2E).
  • Equador está em uma racha de 7 partidas sem vitórias em todas as competições (3E 4D) após somar 4 vitórias consecutivas: não venceu as últimas duas partidas nas Eliminatórias e terminou os 5 jogos da CONMEBOL Copa América sem triunfos.
  • Paraguai mantém um invicto de 5 partidas jogando como visitante nas Eliminatórias (3V 2E). É a racha mais longa sem derrotas fora de casa da seleção paraguaia em eliminatórias para Copas do Mundo.
  • Equador sofreu 5 gols de pênalti, mais que qualquer outra equipe nas Eliminatórias Sul-Americanas. Os dirigidos por Gustavo Alfaro só marcaram 1 dos seus 14 gols através desse meio.
  • Gustavo Gómez, marcador central do Paraguai, venceu 21 duelos aéreos, sendo o líder neste indicador nas Eliminatórias Sul-Americanas.

 

Venezuela x Argentina

A vigente campeã da América, Argentina, terá seu primeiro confronto após conquistar a Copa quando visitar a Venezuela nesta quinta-feira, na jornada 9 das Eliminatórias Sul-Americanas.

A equipe comandada por Lionel Scaloni chega com a moral no topo, e em uma posição de privilegio na tabela: segunda posição com 12 pontos.

Por outro lado, a 'Vinhotinto' deverá vencer para continuar dependendo de suas próprias chances. Atualmente está no penúltimo lugar com 4 unidades.

- Dados –

Estádio: Olímpico (Caracas)

Hora: 20:00 horário local

Árbitro: Leodán González (URU)

VAR: Cristian Garay (CHI)

- Antecedentes -

  • Venezuela venceu só uma vez a Argentina em 14 confrontos em Eliminatórias Sul-Americanas (1V 2E 11D): foi como local, rumo à Copa do Mundo Brasil 2014, por 1-0. Atualmente tiveram dois empates consecutivos no certame: a 'Vinhotinto' nunca esteve dois jogos sem perder da 'Alviceleste' nas Eliminatórias.
  • Venezuela perdeu 1 dos seus últimos 9 jogos como local em todas as competições (4V 4E 1D). O único que o venceu neste periodo foi o Paraguai, nas atuais Eliminatórias Sul-Americanas (1-0).
  • Argentina está em uma racha de 20 jogos sem perder em todas as competições (12V 8E), todos dirigidos por Lionel Scaloni. É a segunda racha mais longa sem derrotas de um treinador da 'Alviceleste'.
  • Venezuela é a seleção com menos faltas cometidas nas Eliminatórias Sul-Americanas (73). Por outro lado, recebeu 16 cartões amarelos, sendo a quinta equipe com mais admoestações sofridas.
  • Oito dos nove gols da Argentina foram no primeiro tempo: 89% foram na parte inicial dos jogos, mais que qualquer outra equipe nas Eliminatórias.

 

Peru x Uruguai

A seleção peruana receberá o Uruguai nesta quinta-feira, em um duelo direto por um lugar na Copa do Mundo Qatar -2022.

Peru, liderado pelo histórico Ricardo Gareca, irá em busca de um boleto de classificação, e para isso deverá vencer a 'Celeste' do lendário ‘Maestro’ Tabárez.

A 'Bicolor' acumula 4 pontos e fecha a tabela. Enquanto o Uruguai está localizado na zona de classificação, na quarta posição com 8 unidades.

- Dados –

Estádio: Nacional (Lima)

Hora: 20:00 horário local

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)

VAR: Wagner Reway (BRA)

- Antecedentes -

  • Uruguai perdeu só um dos últimos nove duelos contra o Peru em todas as competições (1V 3E 5D). Essa derrota foi na última vez que o visitou nas Eliminatórias: 2-1 em março de 2017.
  • Peru perdeu suas últimas 3 partidas como local em Eliminatórias Sul-Americanas. Se voltar a perder do Uruguai, será a primeira vez que terá uma racha negativa de 4 derrotas consecutivas desde as 5 derrotas seguidas em novembro de 1985 e agosto de 1993.
  • Uruguai está atravessando sua pior racha sem marcar nas Eliminatórias: há três jogos não marca gols (2E 1D). O último gol foi de Darwin Núñez, na goleada de 3-0 sobre a Colômbia.
  • Yosimar Yotún, meio-campista do Peru, é o líder de recuperações nas Eliminatórias Sul-Americanas (40).
  • Uruguai é o time com menos chutes a gol: os 'charruas' têm 2,2 chutes a gol por encontro.

 

Chile x Brasil

Chile tentará tirar o invicto do Brasil quando o receba nesta quinta-feira no Monumental na 9ª jornada das Eliminatórias Sul-Americanas.

A equipe dirigida por Martín Lazarte precisa da vitória para ingressar aos lugares de classificação.

São 18 os pontos acumulados pelo Brasil e é o único líder invicto das Eliminatórias.

- Dados –

Estádio: Monumental (Santiago)

Hora: 21:00 horário local

Árbitro: Diego Haro (PER)

VAR: Víctor Carillo (PER)

- Antecedentes -

  • Brasil perdeu só um dos últimos 17 jogos contra o Chile em todas as competições (13V 3E 1D). Perdeu, justamente, em sua anterior visita a Santiago de Chile nas Eliminatórias Sul-Americanas (2-0).
  • Além de acumular três partidas sem vitórias nas Eliminatórias (2E 1D), Chile só venceu uma das suas anteriores 7 apresentações (1V 3E 3D). Se os 'Trasandinos' não vencerem, chegarão a 4 jogos sem vitórias em eliminatórias mundialistas pela primeira vez desde as 4 derrotas consecutivas rumo ao Brasil 2014.
  • Tite nunca perdeu nas Eliminatórias como treinador do Brasil (18 PJ- 16V 2E). Lidera com o invicto mais longo de um treinador em eliminatórias mundialistas sul-americanas.
  • Entre os jogadores que tiveram mais de 90 tentativas de passes, nenhum foi tão preciso como Gary Medel, do Chile: acertou 96,1% das 128 tentativas de passes nas Eliminatórias.
  • Além de ser a única seleção que venceu todos os jogos, é o máximo artilheiro das Eliminatórias (16) e é a equipe com maior posse de bola (63,3%), Brasil é a seleção com mais posse no topo da tabela (59,1%).

 

 

 

 

CONMEBOL.com

OPTA