Cree en grande.
CONMEBOL

Barcelona de Guayaquil enfrentará o Flamengo nas semis

Barcelona de Guayaquil enfrentará o Flamengo nas semis

Barcelona empatou 1-1 e eliminou o Fluminense, graças aos dois gols como visitante na ida e se classificou. Agora, nesta quinta-feira, em Guayaquil, pelas semifinais da CONMEBOL Libertadores-2021, aguarda o Flamengo do Brasil.

O centroavante uruguaio, Gonzalo Mastriani, anotou o único gol do time equatoriano aos 73 minutos e Fred, de pênalti, igualou as cifras aos 90+8’, porém não foi suficiente para o Flu.

O time de Guayaquil venceu pelo empate conseguido no duelo de ida (2-2) da semana passada no Rio de Janeiro.

Obrigado a buscar gols para a vitória e, posteriormente, a classificação, o Flu assumiu de entrada o protagonismo no campo do estádio Monumental. Fred colocou a equipe nos ombros para levá-la ao ataque e tentou sincronizar com Henrique Luiz e Ganso para inquietar o arco ‘canario’ defendido pelo argentino Javier Burrai.

Barcelona esteve à altura e, com golpes certeiros, venceu a série e agora vai em busca de mais.

O ‘Ídolo Astillero’, dirigido pelo argentino Fabián Bustos, volta a uma Semifinal e sonha alcançar seu primeiro título na CONMEBOL Libertadores.

- Números do jogo -

  • Barcelona é o primeiro time não argentino ou brasileiro em chegar à semifinal da CONMEBOL Libertadores desde 2017, quando o mesmo Barcelona conseguiu um lugar entre os quatro melhores do certame.
  • É a terceira série consecutiva de eliminação direta na CONMEBOL Libertadores onde o Barcelona avança de fase ao disputar o jogo de revanche como local.
  • Fred chegou ao seu 25° gol na CONMEBOL Libertadores: igualou Palhinha como segundo máximo artilheiro brasileiro na competição. Só superado por Luizão, que marcou 29.
  • Gonzalo Mastriani fez seu primeiro gol na CONMEBOL Libertadores. Foi o jogador com mais finalizações (5), sendo sua partida com mais disparos na competição. Dois dos três chutes a gol do Barcelona foram dele.
  • Barcelona realizou 116 passes no primeiro tempo contra o Fluminense: foi sua quantidade de passes mais baixa em um primeiro tempo jogando como local na CONMEBOL Libertadores desde, pelo menos, 2013. No final terminou o encontro com 260 passes, sendo a quarta partida em casa com menos passes no mesmo intervalo de tempo.

 

 

 

AFP / OPTA